DestaquePolítica

Santoro rebate Arthur Lira sobre outorga da água pelo governo: “Antes não se fazia nada nem com emenda secreta”

O secretário da Fazenda de Alagoas, George Santoro, usou as redes sociais para rebater as acusações do deputado federal e presidente da câmara dos deputados, Arthur Lira (PP), de que o governo do estado estaria retendo, de forma irregular, recursos da outorga da água e esgoto da região metropolitana da capital. As declarações foram dadas ao Portal 7 Segundos, durante solenidade pública realizada em Palmeira dos Índios, no último sábado (19).

Pelos stories do Instagram, Santoro disse que o governo do estado está investindo cerca de 75,5 milhões na Barra de São Miguel – cidade gerenciada pelo pai de Arthur, o ex-senador Biu de Lira (PP). O montante é três vezes maior do que os reivindicados pelo deputado.

“É incrível a visão pequena de alguns políticos. [Arthur Lira] Reclamou que Barra de São Miguel tinha direito, pela conta dele, a 27 milhões da outorga do saneamento. Aí a cidade recebe 28 milhões de investimentos do estado, e ainda vai receber mais 7,5 milhões de outorga, fora mais de 40 milhões em investimentos em saneamento pela BRK”, afirmou.

O secretário fez ainda uma crítica com ironia às emendas do orçamento secreto, que são chefiadas por Arthur na câmara dos deputados. “São diversos outros investimentos já feitos ou em andamento. Bom devia ser antes, que não se fazia nada e nem com emenda secreta sai alguma coisa estruturante”, arrematou Santoro.

No sábado, Lira criticou fortemente o governador Renan Filho, a quem acusou de estar perseguindo a cidade de Maceió, além de desobedecer uma decisão do Supremo Tribunal Federal, que determinou a retenção de R$ 1 bilhão do pagamento da outorga da região metropolitana da capital, pagos pela BRK. A decisão do mérito da questão pelo STF está prevista para esta semana (Veja vídeo completo com a declaração de Arthur no final deste texto).

Santoro vem sendo “escalado” pelo governo do estado para retrucar as críticas de adversários políticos do governador Renan Filho.

Fonte – 7 Segundos

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo