DestaquePolítica

Bruno Toledo solta o verbo contra Cunha: “Subordinado de Lira”

Em entrevista ao programa (a)ponte, que vai ao ar no próximo sábado (14), na Band (canal 38), o deputado estadual Bruno Toledo (MDB) não poupou críticas ao senador Rodrigo Cunha (UB) e ao deputado federal Arthur Lira (PP), em relação às ações na Justiça para impedir a realização das eleições indiretas a governador e vice.

Para Toledo, o interlocutor do processo é Cunha, mas a mando de Lira, classificando o senador, que se aliou ao presidente da Câmara para as eleições de outubro, como “subalterno”.

“Rodrigo Cunha é o subordinado do presidente da Câmara, que é o grande poderoso e mentor desse processo, mas coloca seu subalterno para transmitir à sociedade uma inverdade, dizendo que estava entrando com essa demanda judicial para proteger a sociedade de eventuais fichas sujas que pudessem concorrer”, declarou Toledo.

Ainda segundo o parlamentar, Lira é o agente político, usando da força política para atrasar o pleito, enquanto Cunha fica de repassar os recados à população.

“O deputado Arthur Lira usa toda sua força política, seu prestígio para evitar que essa eleição aconteça, mas tem seu subordinado, que fala para a sociedade de forma mentirosa, com falta de honestidade intelectual e convenhamos também, com pequena capacidade cognitiva. O senador Rodrigo já foi meu colega de parlamento e ele sofre desses dois mal”, completou.

Fonte: Folha de Alagoas

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo