DestaqueEsporte

Perícia não vê injúria racial de Rafael Ramos e revolta Edenilson

O Instituto-Geral de Perícias (IGP), informou que não foi identificado injúria racial por parte do lateral Rafael Ramos contra o meia Edenilson, do Internacional. O que causou revolta no jogador do Colorado, que se manifestou nas redes sociais.

O laudo de 40 páginas enviado pelo IGP à Polícia Civil não conseguiu identificar o que o lateral do Corinthians falou ao meia do time gaúcho. “Por essas razões, é impróprio que a perícia criminal oficial do Estado afirme, com responsabilidade do ponto de vista processual e científico, o que foi proferido pelo jogador na cena questionada”, diz comunicado do IGP.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo