DestaquePolítica

A saga de Jó Pereira para se manter resistente e forte aos novos adversários

Após um vídeo publicado em suas redes sociais, a deputada estadual Jó Pereira (PSDB) reafirmou sua pré-candidatura a vice-governadora na chapa com o senador Rodrigo Cunha (UB).

É fato que a parlamentar vem enfrentando um turbilhão de críticas com seus posicionamentos oposicionistas ao “governador-tampão”, Paulo Dantas (MDB), como ela sempre chama em seus discursos.

Ficou claro – ainda – que seus colegas de Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE) não mais a enxergam como uma aliada, desde o dia da votação para eleição de PD ao Governo de Alagoas.

Entre críticas e elogios, Jó Pereira vai peregrinando numa saga política para se manter resistente e forte aos novos adversários que adquiriu em Alagoas.

É o preço que a deputada estadual terá que pagar, segundo alguns leitores da Casa de Tavares Bastos, pela considerada “traição” ao grupo do presidente da ALE, o deputado estadual Marcelo Victor (MDB), e depois de ter “cuspido no prato que comeu”.

A deputada estadual reafirmou que lutará contra a iniciativa dos Calheiros (Renans – pai e filho) de tentar lhe calar e tirá-la do processo majoritário em 2022.

“Nossa Alagoas merece sempre o entendimento a favor de projetos e não ser submetida, ficar refém de um acordão apenas pela manutenção do poder. Alagoas não aceita mais perseguição política contra nós, mulheres. Juntos, com fé, venceremos as artimanhas daqueles quem seguram as cordas dos fantoches, como se pudessem controlar também o destino e a vontade de cada um de nós, alagoanos e alagoanas”, disse Jó Pereira.
Fonte – Blog do Kleverson Levy

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo