DestaquePolítica

Morre ex-prefeito de Santana Dr. Henaldo Bulhões; Prefeitura decretou luto oficial de 3 dias

Morreu na noite deste domingo (3), aos 88 anos, o ex-prefeito de Santana do Ipanema Dr. Henaldo Bulhões Barros. A Prefeitura de Santana do Ipanema decretou luto oficial de 3 dias em sinal de profundo pesar.

Dr. Henaldo formou-se em Direito pela Universidade Federal de Alagoas – UFAL, exerceu as funções de Tabelião no Cartório de Imóveis de Santana do Ipanema, foi eleito prefeito de Santana do Ipanema em 1970; foi secretário estadual de Educação e diretor do Instituto de Assistência à Saúde dos Servidores do Estado de Alagoas (IPASEAL), na gestão do ex-governador Geraldo Bulhões, também secretário municipal de Administração e Educação na gestão da ex-prefeita Dra. Renilde Bulhões.

A família informou que o velório terá início às 23h na Capela 1 no Parque das Flores, em Maceió. Amanhã (4), às 8h, o corpo será levado para a Central de Velório da Osacre, em Santana do Ipanema. O sepultamento será às 17h no cemitério Santa Sofia.

O deputado federal Isnaldo Bulhões, sobrinho de Dr. Henaldo, emitiu uma nota comunicando o falecimento do tio e destacando seu legado de servir as pessoas. “Com extremo pesar, com muita dor, comunico o falecimento do meu tio, ex-prefeito de Santana do Ipanema Henaldo Bulhões. Um exemplo de retidão, dedicou sua vida a Santana do Ipanema e a Alagoas. Tio Henaldo dedicou sua vida ao bem estar comum. Com generosidade, ocupou funções fundamentais para servir aqueles que sempre necessitaram mais do serviço público. Assim foi no tabelionato, também quando foi prefeito de Santana do Ipanema e como secretário de pastas importantes do executivo estadual. Exemplo de vida com retidão absoluta, deixa seu legado como exemplo todos nós”, escreveu o deputado nas redes sociais.

A prefeita de Santana do Ipanema, Christiane Bulhões, também emitiu uma nota lamentando o falecimento do tio. “É com uma imensa dor no coração que comunico o falecimento do meu querido e amado tio Henaldo Bulhões Barros, irmão mais velho do painho.
Fonte: Sertão na Hora

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo